Após eleição do ministro Fux para presidir TSE, como será apreciado processo envolve constitucionalidade do prefeito de Guamaré?

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi eleito nesta quinta-feira (7) para ser o próximo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ele assumirá o cargo, no ano que vem, no lugar de Gilmar Mendes, que deixará o comando da Corte Eleitoral no dia 6  de fevereiro.

A eleição, realizada na sessão ordinária do TSE desta quinta-feira. O processo, porém, é uma formalidade, uma vez que, tradicionalmente, sempre é eleito para presidir a Corte Eleitoral o ministro do STF mais antigo no TSE que ainda não tenha ocupado a presidência.

A pergunta que não quer calar

Após assumir o cargo qual será a posição do ministro Fux em relação ao processo do Prefeito Helio Miranda, da cidade de Guamaré?…Essa é a grande interrogação que toma conta do cenário politico de Guamaré e região.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *