Pendências: Prefeito Fernandinho presenteia população com “reforma tributária natalina” que nem os mortos escapam na arrecadação dos tributos

Enquanto os municípios da região salineira retratam situação de crise financeira, alguns prefeitos na busca de soluções tentam fazer com que esse ônus seja paga por sua população. Pensando na possibilidade de trazer recursos ao município, prefeito Fernandinho, de Pendencias, repassa para o legislativo uma reforma tributária que busca trazer benefícios e dores de cabeça a população .

Vejam alguns  absurdos da reforma Tributária na cidade de Pendencias, onde o prefeito prefere penalizar o cidadão com o objetivo de viabilizar sua gestão:

Exemplo I

O cidadão Pendenciense que muito mau tem dinheiro para comprar uma carrada de areia, deverá pagar por retirada de metralha(lixo) em sua porta a quantia de R$ 120,00, além de pagar também por exumação em túmulos a quantia de R$ 120,00.  A reforma tributária que o prefeito colocar para aprovação na Câmara dos vereadores atinge todos os segmentos – inclusive cobrará R$ 20,00 por metro quadrado com faixas distribuídas no centro da cidade – bem como apreensão com animais de grande e pequeno porte.

Exemplo II

O prefeito Fernandinho pratica essa austeridade até para limpeza pública do município, onde as taxas residenciais, terrenos com muros e sem muros atingirão diretamente o bolso do cidadão.

Exemplo III

A situação é tão esdruxula que o prefeito pratica o disparate de cobrar até por publicidade que se aplique em qualquer parte ou estabelecimento da cidade.

Exemplo IV

Até a taxa de correspondente bancário que existe na cidade não foi esquecida pelo gestor.

Enfim

Seria cômico se não fosse triste, pois até os mortos entrou na cartilha tributária do prefeito Fernandinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *